sexta-feira | 15 - dezembro - 2017
Home / Leituras recomendadas / Como medir um Bonsai?

Como medir um Bonsai?

É sabido que o bonsai também possui uma classificação segundo o tamanho (altura) e, por conseguinte, é importante sabermos como medi-los corretamente, especialmente se tivermos a pretensão de participar de algum concurso.

A título de ilustração, transcrevo uma dessas classificações e, para não causar polêmicas, ressalvo que trata-se apenas de um modelo seguido por algumas Escolas. Cabe às Federações e/ou Entidades representativas de cada país ou região a decisão de seguir padrões existentes ou estabelecer seus próprios padrões.

Até 2,5cm (1”) => Keshi Tsubu ( Miniatura de bonsai)
De 2,5 a 7,5 cm (1″ a 3”) => Shito Bonsai (Muito Pequeno)
De 7,5 a 15 cm (3″ a 6″) => Mame Bonsai (Mini)
De 15 a 25 cm (6″- 10″) => Shohin Bonsai (Pequeno)
De 25 a 40cm (10″ a 16″) => Kifu Bonsai (Médio)
De 40 a 60 cm (16″ a 24″) => Chu Bonsai (Meio-Grande)
De 60 a 100 cm (24″a 40″) => Dai Bonsai (Grande)
Acima de 100 cm (>40”) => Bonju (Bonsai de Jardim)

Meu objetivo neste post não é mostrar qual padrão deveremos seguir, mas simplesmente ilustrar como são efetuadas essas medidas.

Normalmente, a altura da árvore corresponde à medida entre a borda do vaso e o ápice.

E sua largura é a maior medida entre suas extremidades.

Se houver folhas ou galhos abaixo da borda do vaso, mede-se a altura da árvore a partir do ponto onde estes se encontram.

Jin fazem parte da árvore e, portanto, devem ser considerados.

No Kengai e Han-kengai a altura equivale à distância entre o ponto mais baixo da árvore e o seu extremo superior.


E a largura é a maior distância entre seus extremos laterais.


As rochas e lajes também são consideradas partes integrantes do bonsai ou penjing.

 

 

Sobre Sergivaldo Costa

Paraibano, natural de Ingá, Sergivaldo é um bonsaísta apaixonado pela arte a mais de 20 anos. É fundador e proprietário do Nativos do Nordeste Bonsai Studio, onde divulga a arte bonsai.

Veja essa publicação também!

Guia de Pragas e Doenças

Visitando o site da Bonsai do Campo, encontrei um guia muito bacana, feito pelo Edson …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *