sexta-feira | 15 - dezembro - 2017
Home / Adubos e Insumos / Receita de Calda Sulfocálcica

Receita de Calda Sulfocálcica

Lá vai uma receita relativamente fácil de preparar sua própria Calda Sulfocálcica, mas que requer muita atenção no preparo. Maior cuidado ainda para evitar brigas em casa com seus familiares e vizinhos, pois o cheiro emanado pelo enxofre durante o preparo é terrível!

Material utilizado:
1kg de Enxofre em pó (pó molhável ou pecuário)
500g de Cal virgem
5l de Água

Modo de preparo:
– Utilize 2 recipientes com água quente.
– Em um deles, prepare a receita acrescentando cal aos poucos, sempre mexendo.
– Deixe fervendo até que se torne uma pasta bem consistente.
– Utilize a água do segundo recipiente a acrescentando aos poucos sempre que sentir o ponto da receita muito consistente.
– Assim que perceber boa consistência, crescente o enxofre aos poucos sempre mexendo.
– Após atingir o ponto e já ter utilizado a água, cal e enxofre totais, deixe ferver em fogo baixo por mais 10 minutos.
– Apague o fogo e deixe esfriar.
– Coar a mistura usando um pano. (não espremer)
– Deixe escorrendo a água por 12 horas.
– Reserve o líquido que passou pelo pano e descarte o rejeito sólido.

Pronto! Está feita a sua calda sulfocálcica, que deverá ser acomodada em um recipiente escuro, abrigado da luz.

Por via de regra, não se aconselha o uso de calda sulfocálcica junto com a calda bordalesa. Utilize-as sempre de forma isolada, respeitando um intervalo de 30 dias entre a aplicação de uma e outra.

Caso queira uma receita mais completa, voltada para pulverização, acesse o site da Embrapa.

Sobre Bruno Medeiros

Praticante da arte bonsai desde a adolescência, aprimorou sua dedicação pela arte após sua graduação em Ciências Biológicas e posterior especialização em Artes Visuais. Foi Presidente Fundador da Associação Bonsai Mato Grosso, em Cuiabá/MT. Atualmente reside em São José do Rio Preto/SP, sendo Diretor da Associação Bonsai Clube Rio Preto.

Veja essa publicação também!

Guia de Pragas e Doenças

Visitando o site da Bonsai do Campo, encontrei um guia muito bacana, feito pelo Edson …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *